Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estamos Sozinhos?

Este é o meu blogue onde procuro dar a conhecer histórias relacionadas com o paranormal e conspirações. Uma espécie de X-files pessoal que agora partilho com o mundo. Espero que gostem e comentem sempre que queiram.

Período de ausência

por Morningstar, em 28.09.16

Estimados leitores,

Antes de mais, gostaria de pedir desculpa pelo tempo que estive sem publicar nenhum artigo. Isso devesse ao fato de ter sido pai recentemente e, como seria de esperar, o bebé acarta uma prazerosa responsabilidade.

Acrescento a isso o fato de ter estado de férias e não ter tido acesso à Internet para poder pesquisar para o próximo artigo.

Prometo que brevemente publicarei outro artigo no blogue.

Obrigado pela vossa compreensão.

Gravação de um OVNI na Capital de Guatemala

por Morningstar, em 05.09.16

A gravação de um suposto UFO durante o dia, em 30 agosto, na Guatemala, país situado na América Central, revelado pelo portal de notícias Publinews Guatemala, tem gerado debates após o responsável pela filmagem, Giovanni Dorigoni, expor o flagrante no perfil dele no Facebook.

Conforme Dorigoni, ele gravou a esfera luminosa sobre a Cidade da Guatemala – capital do país. Naquela data, o sujeito declara ter observado o OVNI a sobrevoar o Banco da Guatemala, por volta das 8h05m da manhã.

Após divulgar o vídeo na rede social, usuários opinaram a respeito. Um deles, Carlos Alvarado, acentuou o fato de o objeto emitir luzes em pleno dia. Para ele, esse aspeto demonstra que o ovni em questão se trata de uma estrutura anómala sob comando inteligente. “Outra coisa que chama a atenção é o piscar, que nada tem a ver com a reflexão do Sol já que é dia de Sol”, opina.

Na sequência, o protagonista da filmagem explica não ter prolongado a gravação devido ao intenso tráfego de veículos no momento do flagrante. “Pena que não pude continuar gravando porque tive que me mover porque começaram a buzinar, e ao procurar [o OVNI] já não o encontrei”, lamenta.

Mesmo que seja impossível atestar o evento como procedente de alguma entidade alienígena, é curioso notar o aumento das atividades dessas aeronaves sem identificação ao redor de todo o globo terrestre.

Fonte: http://tinyurl.com/jd4tn6d

 

Conspiração Cristã - A Origem do Nome Deus

por Morningstar, em 05.09.16

A palavra de Deus.jpg

Segundo do Dicionário de Etimologia, a palavra Deus tem origem proto-indo-europeu, deiwos, que significa brilhante ou celeste. A partir desta raiz, surge o nome de Zeus, o deus dos deuses, segundo a mitologia grego.

Mais tarde, essa palavra é adotada para o latim, com deus, que identifica um ser supremo ou entidade superior. No entanto, a palavra Deus e Zeus não são equivalentes em si, ou seja, apesar de terem a mesma raiz linguística, não significam o mesmo, pois Zeus identifica um deus específico, e Deus um ser supremo, cujo nome é desconhecido.

O Cristianismo, vem definir Deus como um nome próprio de forma a definir a entidade superior aos humanos, mas, que nas religiões politeístas, assume uma posição relativa a um ser supremo.

Ora, se analisarmos a origem da palavra vemos que ela tem distinções bem diferentes daquelas que hoje conhecemos, pois ela define algo brilhante e celeste. Quando eu penso em coisas brilhantes e celestes, automaticamente, leva-me a pensar o Universo, com os seus corpos celestes e brilhantes. Dessa forma, os povos considerandos pagãos, utilizavam a palavra deus como um nome comum para astros, como o Sol, as estrelas, a Lua, etc.

Se aplicarmos a Teoria dos Antigos Astronautas, deus seria uma palavra bastante apropriada para definir OVNIS ou seres extraterrestres. A evolução linguística da palavra, nas suas ramificações, refere-se a seres superiores aos humanos.

Então, porque é que a palavra ganhou contornos religiosos? Bem, porque o Cristianismo não é uma religião de filosofias próprias, mas, de filosofias alheias, que se aglomeraram de uma forma bastante estruturada para criar a ideia de que eram os portadores da verdade. A única verdade é que foi construído com base nas religiões pagãs e judaicas, de forma a centralizar o poder que cada religião possuía para determinados povos.

A Linguística foi uma ferramenta utilizada para distorcer o sentido original das palavras e assim criar um vocabulário universal que pudesse se adaptar e aglomerar qualquer religião do mundo. Claro que tropeçou no Islamismo, mas, não significa que não tenham tentado.

Portanto, uma das primeiras mentiras que encontramos associadas ao Cristianismo é a palavra Deus, que ganha novo significado para implantar um poder religioso.